WhatsApp
Chapecó

Cão farejador localiza 800 pedras de crack enterradas em galinheiro, em Chapecó

Droga estava escondida em casa na zona rural, onde dois homens já tinham sido presos com armas, drogas e dinheiro

13/02/2020 14h07
Por: Maico Zanotelli
Fonte: ND+
Polícia Militar
Polícia Militar

A Polícia Militar apreendeu o equivalente a aproximadamente 800 pedras de crack em uma casa na zona rural entre Chapecó e Paial, no Oeste. A ação ocorreu por volta das 14h de segunda-feira (10).

A droga, que foi encontrada pelo Canil, estava enterrada em um galinheiro, no quintal do imóvel.

Na noite de domingo (9), policiais militares já haviam ido ao local e prendido dois homens de 29 anos.

Com eles, foi apreendida uma pistola, maconha e haxixe, além de quase R$ 8 mil em dinheiro. Na ocasião, buscas com o Canil foram realizadas, mas devido ao tamanho do terreno e escuridão, o crack não foi localizado.

Na segunda-feira, após novas informações da AI (Agência de Inteligência) do 2º Batalhão de Polícia Militar de Fronteira, guarnições retornaram ao local.

Após aproximadamente 40 minutos de buscas, o cão Royce localizou a droga, que estava dentro de uma lata, enterrada no chão.

Na lata, havia aproximadamente 350 pedras já fracionadas e embaladas para venda, além de algumas pedras grandes, que renderiam mais pedras – aproximadamente 800 no total.

Também havia no objeto uma balança de precisão, habitualmente utilizada para pesar drogas no processo de fracionamento para venda.

Todo o material apreendido foi encaminhado à CPP (Central de Plantão Policial) de Chapecó, para os procedimentos cabíveis.

Os homens de 29 anos, presos por suspeita de tráfico no dia anterior, que ainda estavam presos e têm diversas passagens criminais, foram devidamente responsabilizados pela nova quantia de droga localizada.

  • Cão farejador localiza 800 pedras de crack enterradas em galinheiro, em Chapecó
Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários